15 de set de 2017

connivens


com benevolente cegueira
alimentei aquela língua
a cedilha peçonhenta
da palavra maligna

e me isentei de ver
que a língua que te esconjura aos meus ouvidos
é a mesma língua que me difama para os teus
e envenenada e crua, também te ceguei

Nenhum comentário:

Postar um comentário