16 de jul de 2017

além dos muros


ao respiro da sanfona
dança o peito, dança junto
faz mais som que o instrumento
cala o xote e cala o assunto

só não cala de seus olhos
quem está além dos muros
clara luz vista das frestas
gira o sol que solve escuros

seus silêncios só sabem pedir
que se acalmem os mudos suspiros
porque soube que morte e amor
igualmente extinguem respiros

4 comentários:

Nadine Granad disse...

Uau!
Lindo!
... Uma respiração cadenciada!

Beijos! =)

Carlos ETC disse...

Feliz por você ter gostado! :D

Nadine Granad disse...

Fique feliz sempre!
Hahaha, gosto de tudo "aqui"!

Boa semana! =)

Carlos ETC disse...

Uhuu! =D